PARANGOLÉ, PARANGOLÉ, PARANGOLÉ!

Cesar Teixeira (ao centro, na foto) recebe homenagem hoje no Baile do Parangolé. A festa, que celebrará os 31 anos da Sociedade Maranhense de Direitos Humanos (SMDH), acontece hoje (12), 21h, no Sindicato dos Arrumadores (Rua da Estrela, Praia Grande, em frente à CDL). O jornalista e compositor é sócio militante e contribuinte da SMDH e seu ex-assessor de imprensa (1989-2002). É também autor do coco Parangolé, que batiza o Baile.

Outro que faz participação especial é Joãozinho Ribeiro, coordenador executivo da II Conferência Nacional de Cultura, ex-secretário de estado da cultura do Maranhão, poeta, compositor e professor universitário, também sócio da SMDH.

Outros artistas devem pintar e comparecer em carnavalescanjas. O Baile do Parangolé terá animação do Tambor de Crioula Catarina Mina (abertura) e da Banda do Maestro Antonio Paiva. As camisas para o Baile podem ser adquiridas por R$ 30,00 na sede da SMDH (Rua Sete de Setembro, 156, Centro. Maiores informações: (98) 3231-1601, 3231-1897, smdh@terra.com.br, http://www.smdh.org.br).

Cesar Teixeira, que será homenageado também pela Favela do Samba neste carnaval de 2010, gravou o coco Parangolé em seu disco de estreia, Shopping Brazil, em 2004, com participações especiais de Dona Teté (do Cacuriá) e do saudoso Mestre Antonio Vieira. Dois ou três anos antes, a música também foi registrada na coleção Rumos Música, do Itaú Cultural. O engraçado é que agora tem um monte de gente pensando que o Baile do Parangolé tem algo a ver com a mais nova onda-boba que invade rádios e tevês (e nossos olhos e ouvidos, por mais que não queiramos): o famigerado, argh!, rebolation.

A blogueira Sara Marinho, que já comprou sua camisa, deixou claro: “já ‘tou cheia de axé! Quero um carnaval tradicional, de marchinhas”. Para quem quer algo como ela, o Baile do Parangolé é a pedida desta sexta-feira gorda.

Todo mundo lá! Até daqui a pouco!

Autor: Zema Ribeiro

Homem de vícios antigos, ainda compra livros, discos e jornais. Pai do José Antonio. Apresenta o Balaio Cultural (com Gisa Franco, aos sábados, das 13h às 15h, na Rádio Timbira AM). Coautor de "Chorografia do Maranhão" (Pitomba!, 2018) e autor de "Penúltima página: Cultura no Vias de Fato" (Passagens, 2020). Antifascista.

diga lá! não precisa concordar com o blogue. comentários grosseiros e/ou anônimos serão apagados

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s