CLÁSSICOS E INÉDITAS DE NAZARETH


[Reprodução capa]

Não bastassem os arranjos inspirados e o excelente time de instrumentistas que o executa, reside ainda em The Best of Ernesto Nazareth [Choro Music, 2008, R$ 18,90 no site] a proeza da descoberta – e registro – de duas inéditas do compositor, um dos pioneiros do choro: Zizinha e Ideal.

Tendo transitado entre o erudito e o popular – suas peças são objetos de estudo em escolas de música de ambos os universos – Ernesto Nazareth (1863-1934) é um dos grandes compositores brasileiros de todos os tempos. Clássicos como Bambino, Odeon, Apanhei-te cavaquinho e Brejeiro – estas, no repertório desse best of –, entre inúmeras outras, estão sempre em qualquer roda de choro que se preze.

Dono de vasta, importante e bela obra, Nazareth é até hoje regravado por diversos nomes da música brasileira: Elza Soares, Fernanda Takai, Choro Pungado e Turíbio Santos regravaram as citadas no parágrafo anterior, entre inúmeros outros, além de Radamés Gnattali e Jacob do Bandolim – que dedicaram discos inteiros à obra do carioca – e Arthur Moreira Lima, que em quatro volumes, registrou pela Discos Marcus Pereira, grande parte da obra do pianista que compunha trilhas para cinema ao vivo, enquanto o filme mudo era rodado – desse exercício nasceu, por exemplo, Odeon, clássico que homenageia importante cinema do Rio de Janeiro.

Outros títulos, abordando obras de nomes como Jacob do Bandolim, Chiquinha Gonzaga, Noel Rosa, Altamiro Carrilho, Pixinguinha, Zequinha de Abreu e Severino Araújo, importantes representantes dos mais autênticos gêneros musicais brasileiros – notadamente o choro e o samba – também estão disponíveis no site da Choro Music, em várias versões: gravações completas, de acompanhamentos (para o solo de estudantes de música), partituras e mp3 para download. Os songbooks integram a coleção Classics of the Brazilian Choro. Os títulos em inglês justificam-se: a Choro Music – que tem filial em São Paulo – surgiu na Califórnia, Estados Unidos, e “tem como grande sonho fazer com que o Choro Brasileiro seja conhecido e executado no mundo todo” (segundo o texto de apresentação no encarte).

Este The best of Ernesto Nazareth é um apanhado – de cavaquinhos, flautas, bandolins, clarinetes, violões e saxofones de, entre outros, Izaías do Bandolim, Milton Mori, Nailor Proveta, Toninho Carrasqueira e Edmilson Capelupi – dos três volumes de seu songbook. Clássico! Re-clássico!

CHORINHOS E CHORÕES

Ricarte Almeida Santos mostrará parte do repertório de The best of Ernesto Nazareth no Chorinhos e Chorões deste domingo (2 de novembro), às 9h, na Rádio Universidade FM, 106,9MHz.

diga lá! não precisa concordar com o blogue. comentários grosseiros e/ou anônimos serão apagados

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s