AS COISAS ACONTECENDO POR AÍ

(Ou: Da série Bloco de Notas)

*

Ocuparte

A partir da realização do IV Fórum Municipal de Cultura de Imperatriz (MA), a turma daquela cidade está incendiando o setor cultural. É claro que há quem ache graça em instalações com penicos cheios de merda, “oh!, que maravilha! isso é arte!”. Mas é melhor tornar um espaço, uma biblioteca, que havia virado mero depósito de merda, em um espaço de uso público (como deveria ser sempre e nunca ter deixado de ser). A turma do Movimento Ocuparte fez isso: ocupou a sede da antiga biblioteca de Imperatriz e está fazendo arte. Todo o apoio deste blogue ao que a turma vem aprontando. Saiba mais clicando aqui.

Clube do Chico

Do Choro falarei mais abaixo, é Clube do Chico mesmo. Show de Marconi Rezende no Clube do Jipe, hoje, a partir das 22h. Eu havia ficado de fazer um trabalho de divulgação melhor, ajudar o cabra que, apesar de ser conhecido por essa faceta, é bem mais que um cover do autor de A Rita. Uma viagem a trabalho, de última hora, embolou aqui o meio de campo. Mas ‘tá dado o recado. O Clube do Jipe fica na Rua do Peixe Pedra, s/nº., Calhau (próximo à Igreja Católica). O couvert custa R$ 7,00 e no local serão vendidas camisas por R$ 15,00. Maiores informações: (98) 8822-6206, 8822-2001.

Recital

Também hoje, às 19h, com entrada franca, no Auditório da Escola de Música do Estado do Maranhão Lilah Lisboa, acontece Recital de Violão com o professor Victor Castro. Participações especiais de Ricciere Zorzal (professor da UFMA) e Marcelo Moreira (Diretor da EMEM). O repertório da apresentação será variado, “de Bach a Bellinatti”, afirma o músico português radicado em São Luís.

Milla e(m) Bom Tom

Milla Camões e o Quinteto Bom Tom aproveitam a véspera de feriado para fazer um show hoje (21), às 20h, no Restaurante Chico Canhoto (Residencial São Domingos, Cohama, palco do, vocês já sabem, Projeto Clube do Choro Recebe). O repertório transitará entre a mpb de Milla e temas instrumentais do Bom Tom, entre o jazz, a bossa-nova e o choro. O couvert custa R$ 5,00. Maiores informações: (98) 3252-1219.

O samba e a canção

É o nome do show que o cantor Celso Brandão apresenta, acompanhado do Regional Samba Choro e da Orquestra de Câmara da Escola de Música do Maranhão, dia 22, às 20h, no Teatro Arthur Azevedo. Participações especiais de Mundinha Araújo e dOs Foliões. Os ingressos custam R$ 10,00 e a renda do show será destinada à Casa Sonho de Criança e Associação do Lesado Medular (ALM).

Clube do Choro Recebe

Sábado, completando 33 edições, com o grupo Chorando Calado (Tiago Souza: saxofone e clarinete; João Eudes: violão; Wendell Cosme: cavaquinho; e Paulinho Sabujá: pandeiro) recebendo o cantor e compositor Beto Pereira. Para mais, clique aqui.

Dente de ouro

Título de um de seus maiores clássicos e de seu mais recente disco (CPC-Umes, 2005), Dente de ouro é o show que Josias Sobrinho e banda apresentam no sábado (24), no Teatro João do Vale, às 21h. Os ingressos custam R$ 15,00 e serão vendidos somente no local. A produção é de Ópera Night.

MPB Petrobrás

De uns tempos para cá. O cantor e compositor Chico César acompanhado pelo Quinteto da Paraíba apresentam o show do excelente disco homônimo. Dia 27 (terça-feira), às 20h. No Centro de Convenções Governador Pedro Neiva de Santana. Ingressos: R$ 20,00 e R$ 10,00 (meia). Show de abertura: Daffé.

Inveja


Divulgação. Clique sobre para ampliar.

No caso, a minha, dos que forem ver/ouvir a grandessíssima Ceumar neste tão importante e certamente bonito momento.

Autor: Zema Ribeiro

Homem de vícios antigos, ainda compra livros, discos e jornais. Pai do José Antonio. Apresenta o Balaio Cultural (com Gisa Franco, aos sábados, das 13h às 15h, na Rádio Timbira AM). Coautor de "Chorografia do Maranhão" (Pitomba!, 2018) e autor de "Penúltima página: Cultura no Vias de Fato" (Passagens, 2020). Antifascista.

3 comentários em “AS COISAS ACONTECENDO POR AÍ”

  1. Concordo que Ceumar é mto, mto bacana, mas … tem uma baiana por aí que ainda vai dar mto o que falar, o que ouvir, o que curtir: Márcia Castro. Bjo,Cipy

  2. Nestes tempos bicudos de escassez de novos talentos em que ficamos revivendo museus de grandes novidades, é uma boa notícia e paguemos pra ver Márcia Castro. Felizmente, não se trata de trocar e sim de somar o duvidoso ao certo: Ceumar é brilhante. A se confirmar o que tenho ouvido até agora, este show (e seu registro) já é um clássico.

diga lá! não precisa concordar com o blogue. comentários grosseiros e/ou anônimos serão apagados

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s