voltei!

e satisfacionando (de dar satisfação) aos poucos-mas-fiéis leitores deste blogue devo dizer que nada de extraordinário aconteceu, ao menos nada que mereça comemoração, para que eu me afastasse assim, sem mais nem menos e sem aviso. passei uns dias afastados por conta de uma tendinite e volto de maneira moderada. agora sim, depois de dores terríveis e um horrível inchaço em minha mão direita (principalmente o dedo indicador), devo aprender a parar de digitar dez minutos por hora e fazer exercícios de alongamento, aquecimento e aquilo tudo que comumente achamos que é e chamamos de frescura. pouca é bobagem!

por isso aí meu silêncio e meu sumiço, que em nada me agradaram. para quem tem o(s) computador(es) como extensão(ões) do próprio corpo (juro que é difícil pensar com uma caneta em punho e mesmo assim, nos dias mais terríveis das dores agudas, nem uma caneta eu podia segurar sem sentir dor), é um tanto quanto difícil (impossível não foi: eu consegui) passar (aproximadamente) cinco dias longe desses males necessários, os computadores.

agora é tomar o remédio direito e criar respeito por si próprio (as tais “frescuras” já faladas por aqui). pelo anti-inflamatório estou impossibilitado de beber e ficar mais velho “a seco” será ainda mais triste.

a semana passada foi bastante movimentada e este blogue, como não lhe é comum, ficou em branco. em breve, posto umas mal-traçadas sobre o lançamento do e o disco novo do amigo chico saldanha, noite para entrar na história, adianto-lhes. adianto-lhes? com’assim? o que passou, passou, é, tem nada não, bateu um branco e eu toco choro até o dia clarear. depois, o prêmio universidade fm, com a literatura-música de nando cordel e, antes, o brilhante show dirigido por luiz jr., coisa fina. muito nos honrou nosso nome entre os consultores desta edição, ao lado da queridamiga bruna castelo branco (ex-estagiária da rádio, como bem fez questão de frisar o professoramigo adalberto melo, locutor daquela ocasião e de muitas outras), jonathas nascimento (suplemento galera d’o estado do maranhão) e carlão (bagasound estúdio).

não fui ao lançamento do guesa (alberico: não recebi convite, talvez meu sumiço explique, mas de meu exemplar do anuário faço questão), mas reconheço desde sempre a importância do suplemento, a imensa lacuna que ele tenta preencher ao longo desta curta e longa meia década de existência e onde, modéstia à parte, já pendurei dois ou três textos.

perdi também o fórum estadual de cultura, sexta, sábado e domingo. ou eu parava ou a tendinite me parava e nos primeiros dias, o remédio me causava (agora em menor grau) fortes ardores no estômago.

bom, como disse no início, isso aqui era só para “satisfacionar” àqueles que, mesmo sem novidades, batiam por aqui, talvez esperando palavras nossas sobre estes e outros acontecimentos que movimentaram a cena cultural na ilha. ainda não estou plenamente recuperado e não posso (me) (es)forçar muito. vamos voltando aos poucos à normalidade. normalidade? isto é possível aqui?

2 comentários em “voltei!

  1. Que bom que vc está de volta. Era frustrante chegar aqui e nao ter nada de novo.Também fiquei honrada de participar como consultora do Prêmio, a rádio foi muito importante na minha vida profissional, tenho muito orgulho da minha experiência como estagiáriabeijos e boa recuperação

diga lá! não precisa concordar com o blogue. comentários grosseiros e/ou anônimos serão apagados

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s