o mundo perde sem saber sua caligrafia*

lendo este post da angélica freitas (*dona da frase que batiza este post aqui e autora de rilke shake), ponho-me a pensar: quando o pessoal que está escrevendo hoje (hoje que digo é agora, excluindo-me, é claro!) virar, cada um a seu modo, um autor “clássico” (seja lá o que isso for), será impossível (será?) publicar-lhes a(s) correspondência(s).

penso que livros assim (que reúnem correspondências entre escritores) fazem relativo sucesso (eu até me interesso por e tenho alguns, menos do que deveria/poderia, é verdade) e são relativamente necessários (são?) para uma maior (melhor?) compreensão da obra de determinados autores (estou certo?).

a imagem que me vem à cabeça é um autor morrendo (de susto, bala ou vício ou o que quer que seja) e ao ser acudido gritar (vêem o balão?): “*******!!!” sua senha de e-mail, para um parente, sua esposa ou um amigo próximo resolver o que fazer com suas correspondências.

4 comentários em “o mundo perde sem saber sua caligrafia*

diga lá! não precisa concordar com o blogue. comentários grosseiros e/ou anônimos serão apagados

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s