meros detalhes (nem tão pequenos assim)

antes um aviso: isso não é jornalismo!

dito isso, e é necessário dizer, já que não li o livro ainda, vamos ao que interessa, se é que o que interessa interessa a alguém (vocês entende(ra)m).

aperta aí o botão rewind.

começando de novo: este blogueiro ainda não tinha se pronunciado acerca do episódio que envolve roberto carlos, paulo césar de araújo (autor da biografia “roberto carlos em detalhes“) e a editora planeta, os dois últimos derrotados em ações que determinaram a apreensão de 11 mil exemplares do livro e ainda a retirada do comércio dos que estão (estavam) circulando.

nunca fui um fã “exemplar” do parceiro mais constante de erasmo carlos, como por exemplo minha vó, que à época do vinil, comprava seus lançamentos natal após natal. mas não vou negar que gosto de umas músicas dele, às vezes discos inteiros (da mesma forma que detesto umas músicas dele, às vezes discos inteiros).

quando soube do lançamento da biografia, logo soube da implicância do “rei”, alegando que a exposição e uso de sua intimidade deveriam ser exclusividade dele mesmo, algo do tipo “se um dia eu resolver escrever minha autobiografia” ou coisa que o valha.

processos começaram a rolar imediatamente (um contra o autor, outro contra a editora) e, por via das dúvidas, garanti logo meu exemplar. via das dúvidas, porra nenhuma! pensei (n)o seguinte: “vai que roberto carlos consegue ganhar e esse livro sai de circulação, vira obra raríssima e (re)vendo mais caro!”. é sério!: tanto é que comprei o livro ainda ano passado e nunca li; deixa eu ir ali fazer isso agora.

sobre a atitude de rc: acho uma tremenda bobagem, triste, triste… “rei”, deixa o súdito-biógrafo trabalhar/escrever…

se você não teve a mesma sorte (digo, de conseguir comprar o livro), baixe aqui.

12 comentários em “meros detalhes (nem tão pequenos assim)

  1. eu gosto do Roberto, coisas sim, coisas não…mas posso dizer q gosto, ele lembra a minha infância, o vinil tocando, a chuva de janeiro ao som de ” caminhoneiro” rsrs…Acho que ele pode ter sim sentido sua privacidade invadida, algumas histórias ele nunca mencionou com o lance da perna…eu entendo, mas não concordo com a decisão de tirar os livros de circulação, não curto muito essa censura. Tenho certeza q poderíamos ter outra solução. Ps: Vacilei, poderia ter comprado o livro tb

  2. eis a questão: a infância. você disse tudo. é, mas o livro não vai ficar (tão) raro: apesar de reciclar ou incinerar 11 mil livros, outros mais de 10 mil já foram vendidos. abraço!

  3. roberto carlos e suas manias.manias atrapalham o andamento da vida da gente, mas nesse caso não gosto de pensar que não tenho poderes sobre o que faz parte de mim. acho que ele está no direito dele de impedir que alguém publique coisas da vida dele que ele não quer. isso já rendeu discussões infindáveis lá em casa entre mim e ramon. nós discordamos e isso é muito bom :D

  4. hahaha.. sim, vc está certo.na verdade não encontrei ninguém que concorde comigo. estamos sós nessa eu e roberto carlos… o mais legal é conversar contigo no msn e aqui ao mesmo tempo =D

  5. isso tudo não deixa de ser engraçado. talvez, fosse eu, ficasse puto (se alguém resolvesse escrever sobre algo que fiz blá blá blá), mas eu “não sou nenhum roberto” (como a cássia já cantava a música de nando) e acho que nem chego perto (contrariando a letra do ruivo) e nem sei mesmo se quero, risos. abraço!

  6. ahhhhhhhh eu gostaria muito de ter um trabalho amplamente reconhecido mundo afora, tal qual roberto carlos. mas não gostaria que desrespeitassem minha privacidade. acho que o que é público dele é a vida profissional dele, ou seja, as composições do cara, parcerias musicais e afins. tragédias na infância, vida amorosa ou outras coisas que nada têm a ver com o que ele produziu em seus discos, não.mas enfim… isso rende tese, cara.;)

  7. rende. acho que ele é um homem público e sua vida acaba meio que sendo pública também. ainda não terminei a leitura, mas acho que o livro não invade tanto assim. é um tributo de fã. abraço!

diga lá! não precisa concordar com o blogue. comentários grosseiros e/ou anônimos serão apagados

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s